domingo, 16 de junho de 2019

Comemoração dos 50 mil km. pedalados, com o meu grupo de cicloviagens/pedais, Odois.org 15/06/2019

Para encerrar as festividades dos 50 mil quilômetros, esse foi o momento todo especial nesse encontro com o grupo Odois Cicloturismo. Grupo do qual faço parte, desde 2010. Como sou o único componente que reside fora da sede (todos estão em Curitiba), me desloquei para São José dos Pinhais, local aonde iniciaríamos o pedal.
Agradeço ao Du por sugerir o roteiro e programá-lo dessa forma, pois eu e a Thaís, minha filha, que me acompanhou, não precisaríamos levantar tão cedo, como já fiz diversas vezes nos vários pedais pela região. Enquanto eles pedalavam até um posto de gasolina, eu me deslocava de carro pela BR-376 até o local.
Como eles já tinham gasto um pouco de energia, levei uma torta alemã e um café para repor as calorias e brindar a esse encontro. Isso antes de iniciar o pedal para nós (eu e Thaís). O bagageiro do carro serviu de mesa de festa.


Nada melhor do que iniciar o pedal, motivo maior desse encontro, que se concretizou às 09:50h. Com a devida uniformização da maioria dos pedalantes, com a camisa dos 50 mil, partimos para Colônia Murici.



Com algumas subidas, passamos pela Colônia Gamelas, em frente a igreja Nossa Senhora das Neves.



Região de hortifrutigranjeiros.





E com a fome batendo, o objetivo era galgar mais algumas subidinhas e chegar lá no Pesque Pague Cachimbo, na Colônia Mergulhão. Nessas colônias existem uma infinidade de: café colonial, adegas e vinícolas, restaurantes e chácaras para eventos. Fazem parte do Caminho do Vinho de São José dos Pinhais.

A pedida no Cachimbo, é o espetinho de tilápia com queijo e a isca de tilápia.



Como ficamos na parte externa, em bancos tipo de jardim e sombra de árvores, a primeira coisa a fazer, é se ambientar com as abelhas que já são praticamente as donas do local. Para não levar nenhuma ferroada, é só deixar elas beberem do refrigerante e comer os restos do peixe que fica no espetinho, que fica tudo na paz.



A parada foi estratégica para um descanso e um bom papo com o grupo, que não se reunia a algum tempo.



A equipe (da esquerda para direita): Geraldo, Lulis, João, Thaís, Du, Adriano (não está de azul pois é o líbero da equipe) e eu, Heil.



Tudo muito bom, mas chegou o momento de colocar os capacetes e retornar.


Chegamos de volta ao posto às 14:25h., com 35km. Para os que vieram pedalando até ali, deu entre 70 a 80 km., dependendo do bairro de cada um.

Um dia muito especial. Agradeço a todos por propiciarem esses momentos de alegria.

Km. do dia: 35
Altimetria máxima: 959m.
Altimetria mínima: 892m.
Track (trajeto): aqui


2 comentários:

  1. Excelente oportunidade de dividir um bom pedal com os amigos, Mr! Parabéns pelos 50kkm! Que venham mais 50kk desses!!! GRANDE ABRAÇO, GRANDE AMIGO! =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sempre uma alegria e um motivo de festa nos encontrarmos. Somos irmãos espirituais !!!

      Excluir